quarta-feira, janeiro 25, 2006

Fabulous!

Depois de muitos episódios vistos na TV, no PC, depois de pensar que na verdade não me identifico grande coisa com qualquer uma das protagonistas, vi ontem na SIC o último episódio do Sexo e a Cidade. Tive sempre muito pudor em descarregar esse último episódio da net porque não queria ver este fim. Aquilo, bem vistas as coisas, não tinha nadinha a ver com a minha realidade. Nova Iorque não é Lisboa, eu não sou ninfomaníaca, nem púdica, nem workaholic, nem fashion victim... mas depois no fundo elas têm tudo o que qualquer gaja tem. A vontade de ser mãe (que também não bate muito a esta porta) ou a maternidade involuntária; a busca descomplexada do prazer, mas sempre com uma pontinha de remorso por qualquer outra coisa que não se fez; o dia em que comprámos aquele par de sapatos ou aquele vestido que foi caro e inconsequente e nunca usámos em público... sei lá... coisas fúteis, outras menos, mas realidades transversais aos oceanos e aos continentes.

Não foi para mim série de culto como o Seinfeld (não é humanamente possível citar-se tanto Seinfeld como eu faço!) ou como o Friends, que vi exclusivamente através da net (mas cuja box com as 10 séries olha para mim com olhinhos de “leva-me”). Chorei que me desunhei quando deu o último episódio de Friends. Vi com 2 dias de diferença dos americanos. E fiquei tão feliz com uma idiotice. E ontem foi a mesma porra com o Sexo e a Cidade. A beleza do final do Sexo e a Cidade é que não há um final feliz; há, isso sim, um recomeço feliz. Os casais, os bebés, os amores... tudo fica resolvido ali, mas acaba com elas a recomeçarem, à mesa, a falarem das suas novas vidas.


Há quem não entenda este meu fascínio pelas séries; eu acho que não passa de uma prova que eu sou uma azeiteira, uma papa-telenovelas da era digital.

Karvela (tão teledependente que até papa o Diário de Sofia!)

5 comentários:

Arnaldoooooo disse...

Quero post sobre o diário de Sofia...que eu também vejo (não muito assiduamente)

...também gosto do Friends...

Zariza disse...

Como te entendo amiga... Tambem vi, tambem gostei, tambem fiquei com aquele sorriso estupido no rosto que nunca ninguem entende e tambem sou uma viciadona em séries que ese escrevesse aqui todas as que vejo (ou tento ver) ficava sem espaço....

Dauphin disse...

sniiiiiiiiifffffffffff! (assoa-se reuidosamente). Sempre podes escrever "O Sexo e o Cais d'Embarque"... ou não.

bicho do mato disse...

Fabuloso miuda!!
Escreves bem pa caramba!
Tou enfeitiçado e dependente deste blog.
CREEPY!!!
uM BEIJO
n

Bloodymary disse...

Diario de Sofia?...