quarta-feira, outubro 16, 2013

Gloria mundi

Por muito que eu queira ser boa blogger blogueira blogadeira pessoa que escreve larachas na interwebes, a minha vida está consumida numa fogueira de tese e garoto. Tenho para mim que os nazis do tempo também jogaram para o fogo aquele livro onde explica que as pessoas decentes tomam duche todos os dias e aquele que diz que se lava os dentes três vezes por dia e o outro da socialização com seres humanos com mais de um ano. Acaba-se-me periodicamente tudo em casa porque ir às compras é um luxo supérfluo a não ser que estejamos a falar de coisas lésbico-chic ou budget-homeless ou Cheapy McNasty na Primark que aí já vou, ai se vou, iludida com um tamanho que já não é o meu mas ainda assim compra-se porque daqui a um mês eu já tenho menos dois quilos, na boa, apesar de algumas ceias consistirem em natas batidas com açúcar, bato-as à mão que não atino com bater natas na bimby. Não fico indiferente à expressão bato-as à mão e ficamos assim. E depois ele sorri para mim e eu noto que já é octodente apesar de bidente em baixo o que significa que é hexadente em cima, parece a muralha do Castelo dos Mouros, para meu gáudio e loles diversos que tenho que aproveitar que ele ainda não entende e eu não lhe quero dar um complexo. Afinal não se me acabou absolutamente tudo em casa, tenho natas, fui ver. E depois é o outro que anda a fazer judo e chega a casa e começa a falar-me japonês e a treinar movimentos comigo e eu sou uma pessoa de joelho fraco e nervos delicados e fico arrumada para o dia. Estou tão sozinha.

Karvela 

5 comentários:

Suz disse...

Bato-lhe palmas, senhora (À MÃO!).

Suz disse...

Bato-lhe palmas, senhora.
(À mão!)

Pai dos Piuzitos disse...

Aguente-se!

Anónimo disse...

Que sa foda o facebook. Vou comentar aqui.
Só pa dezer que me quero casar contigo em geral, se bem que a vontade aumenta quando dizes coisas.
Esperarei por ti para sempre.
Não vou assinar porque tenho a certeza de que saberás que sou eu. Se não souberes, está tudo acabado entre nós.

Dauphin disse...

que fuerte.