segunda-feira, março 07, 2011

É que é certinho!

Há coisas certas nesta vida mas poucas são tão certas como a frase final do diálogo que apresento abaixo (ou de diálogos semelhantes). É que ouço sempre. Mas sempre.

Interlocutor 1 - O Fernando Mendes está tão gordo...!
Interlocutor 2 - O pai dele também era gordo, bem mais gordo.
Interlocutor 3 - Mas era mais alto.

Sempre.

Karvela

2 comentários:

tagouy disse...

Era??!!! :)

Mariam disse...

Tem piada. Comigo, a terceira frase é: "Por isso é que morreu". Certinho!