sexta-feira, janeiro 30, 2009

Onde é que eu me fui meter?

Sabem aquela frase dos macacos, que se estiverem tempo suficiente em frente a máquinas de escrever atiram fezes e escrevem livros da Margarida Rebelo Pinto, o que é estranhamente equivalente?
Pois eu começo a pensar, agora que a época de caça ao ensaio já acabou, que nem 100 duendes a trabalhar durante 10 anos poderiam acabar esta tese decentemente, quanto mais uma única indivídua. Cá estaremos para assistir ao lento declínio de Karvela. E rir. Tipo vocês.

Karvela. PhD, douches!

2 comentários:

Sandra Cunha disse...

Não te quero assustar (ainda mais!) mas isso é uma preparação para o que vem a seguir.

Ainda estou em estado de choque e o seminário foi na terça passada.

Minerva McGonagall disse...

Isto hoje está animado. O teu blogue parece uma gaja a escolher o vestido para o primeiro encontro.