quinta-feira, outubro 23, 2008

Eu amo-vos mas quero matar-vos

Hoje fui no barco com dois amigos do peito. A Maria e o, vá, Zé. Chamemos-lhe Zé.

A conversa desenrolou-se a propósito do maravilhoso pedaço de merchandising abaixo ilustrado e que a McDonald's continua a impingir-me em vez do tão aguardado Ewok e que, antes de mais, passo a explicar:


Eis um sabre de luz.

Um sabre de luz antes de ser tocado pela mão de um Jedi ou, neste caso antes do interruptor.



Eis o mesmo sabre de luz depois do interruptor.



Dois pensamentos óbvios surgiram-me quando abro a Happy Meal:
1. Parece a pila do Óscar quando me vê de manhã!
2. Então mas isto não vibra?

Também deve ter sido bonito, quem me possa ter visto no carro, com o vibrador de luz na mão, com a cara mais perplexa do mundo, tipo chimpanzé a aprender língua gestual, a abanar o bicho com a mão, à espera que fizesse "vvvvvvvvum vvvvvvvvvum".

Relembro que eu sou uma doutoranda, sou uma pessoa que se quer séria, alguém que em teoria é inteligente porque foi aceite num grupo de elite, de gente superior. Contudo, perante a falta de som do engenho esta inteligência que vos escreve fez "vvvvvvvvvum vvvvvvvvvvum" com a boca, talvez numa tentativa de estimular o pequenote a trabalhar. Entretanto, no meio da minha miopia lá entendi que aquilo dava era luz, não som.

O capítulo II da saga continuou hoje. Estava no barco com a Maria e o, vá, Zé. E começo a mostrar a minha mala, dentro da qual parece que explodiu uma fábrica de sacos de plástico, e lá pelo meio um R2D2 que faz barulhinhos e uma Millenium Falcon. Mostro-lhes o merchandising, rimos muito do sabre de luz, até que a conversa começa.

Maria - É pena é eu não conhecer nada de Guerra das Estrelas!
- É, eu também não...
Karvela - Como não? Quando eu digo que o Óscar é o Chewbacca vocês não compreendem?
– Não…
Karvela – O Chewbacca era o co-piloto do Han Solo na Millenium Falcon… Han Solo... o Harrison Ford?!?!?
– Não… só conheço o Darth Vader.
Karvela – Já não é mau. Mas e o Chewbacca? *faço o som aproximado do Chewbacca às 9 da manhã no catamarã do Montijo*
Maria
– Nada…
Zé – Eu conheço também o Jedi.
(notem a fineza… O Jedi…)
Karvela (a ter um AVC) – Um momento! O Darth Vader também é Jedi, só que passou para o lado negro da Força.
Zé e Maria com olhares em branco.
Karvela – Deves estar a falar do Obi Wan Kenobi…
– Isso!
Karvela – Como não conheces? Sir Alec Guiness? Ewan McGregor nas prequelas?
Zé e Maria com olhares em branco.
Maria (tentando acabar a conversa) – Se calhar um dia destes é melhor ver o filme…
Karvela – Sim, mas vejam primeiro os velhos. Quer dizer, se quiserem podem ver do capítulo I ao VI porque é em ordem, mas os mais antigos, quer dizer, do IV para a frente é que são fixes…
Zé (a medo) – Isso… quer… dizer… que… os mais antigos… são mais recentes…?
Karvela (apoplética) – Sim e não!!! Os mais recentes são prequelas porque se passam antes das sequelas, que são dos anos 70, mas temporalmente as dos anos 70 são posteriores às mais recentes...
Zé e Maria com olhares em branco.

Não compreendo onde é que eu expliquei isto mal. O Jedi? AHGH. Só faltava dizerem que não sabem que os ewoks vivem em Endor.

Karvela (O JEDI?)

9 comentários:

BlueAngel disse...

Não te querendo desiludir, cara amiga, eu também não aprecio a Saga Guerra das Estrelas e teria feito a mesma cara que os teus parceiros de viagem. Mas. por alguma razão, tu és uma doutoranda e eu apenas uma licencianda. :-) beijocas larocas com amizade :-)

mary disse...

estúpida! acabaste de perder um arquitecto urbanista fã do teu blog. agora em 5 só 4 é que são fãs.


eu vejo outras coisas, tsá??


**

parafina falsificada disse...

Juro-te que isto parece uma conversa entre mim e os meus queridos coleguinhas. Eu explico, explico, e volto a explicar a história do Star Wars e estão sempre, mas sempre a dizer que não entendem/não conhecem/whatever!!

Arnaldoooooo disse...

Vi o Star Wars na ordem cronológica do filme. Sinceramente não gostei dos 3 primeiros e os 3 últimos foram razoáveis.

A grande desilução foi o Dark Vader parecer-me SEMPRE um travesti à porta do Maxime ofegante por ter visto os gémeos Guedes


Posso não ser um freak do Star Wars, mas sou um freak do mundo de ninharias cor-de-rosa

Daniela Major disse...

Meu deus!

kramer disse...

Eu só vi o Star Wars umas 10 vezes.

Anónimo disse...

looooooool... parece que estou a imaginar a mary e o vá, zé (gostei.) nessa viagem de barco!! ainda se falasses no RGEU ou no PDM ou no PMOT ou na CCDR... Karvela, faz um esforço para acompanhares a tua legião de urbanistas, mulher!! eheh
Para a póxima tenta explicar com jeitinho que o YODA era o sr verde de quem eles estavam a tentar falar...
Bjs parabéns pelo blog, diverte-me imenso... (urbanista também, lamento!) Tânia

Restelo disse...

E a seguir vais me dizer que eles nem sabiam que originalmente estavam previstas 3 trilogias (a 3ª seria os episódios VII, VIII e IX mas já não será feita) e que a razão pela qual ele começou pela segunda foi porque não havia tecnologia para fazer o que ele queria na primeira (e mesmo assim teve de criar ele a empresa que fazia os efeitos!)!?!?!?

Bxana disse...

http://as7vidas.blogspot.com/2008/09/como-identificar-dois-nerds-numa.html

Também és cá das nossas! O Nemo vai gostar de saber!!!;)