quinta-feira, agosto 14, 2008

Oh the joys of motherhood...

O meu Óscar adora de morte uma toalha que em tempos foi da minha mãe (que gentilmente a cedeu mas nunca mais a utilizará). Essa toalha tem servido uma imensidão de propósitos, como esfregar o cão sempre que ele vem da rua, mas é claramente o objecto favorito do nosso Kiwi (nova alcunha derivada de seus testículos parecerem dois pequenos kiwis). E é ontem que decido levá-la para casa. Vou ao quintal buscá-lo, passo pela arrecadação, o Óscar delira com a toalha, utilizo-a para lhe limpar as patas mas penso "Hoje levo-a para cima, para fazer de cama!".
Aliás, perante um cão que não pode nem sabe subir escadas, alanco com os 9,5kg até ao segundo andar, mas o amor do Kiwi pela toalha é tal que quem a levou na boca foi o próprio. E é uma toalha de banho! Subir escadas não podemos, mas mandíbula para segurar 1 kg de pano tudo bem!

Chego ao topo, vejo o kramer dentro de casa que, com aquilo a que apenas posso descrever como um guincho de menina, diz:
"Essa toalha não entra cá em casa!!!"
Eu abraço o Óscar à direita, encosto a toalha a todo o meu corpo e cara à esquerda, mantendo um ar adorável de faz o que te estou a pediiiiiiiir e digo:
"Mas é a toalha preferida do menino..."

"Pois, mas foi a que eu usei para lhe limpar o vomitado..."

Karvela

2 comentários:

Mãe dos Piuzitos disse...

Devo confessar que já estava enojada a imaginar o conjunto "toalha-de-limpar-patas" e "cara-e-corpo-de-Karvela"... Depois dessa saída do Kramer só tenho a dizer... blaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaargh!

Restelo disse...

GROSSS!