quarta-feira, janeiro 09, 2008

La vida es una tombola, twister, twister

Lá houve outro tornado nos Estados Unidos. Penso sempre que Alá é grande e aquilo que os terroristas e/ ou o Governo Bush não conseguiram rebentar, Ele encarregar-se-á de pulverizar da face da terra de ninguém. Dito isto, hoje de manhã vejo imagens genéricas de tábuas e entulho e dou por mim a falar para a televisão: "Construam essa merda com tijolo de seis e telha marselha, páááá!"

Perante isto, o kramer lança a sua teoria: os construtores civis no Estados Unidos são mulheres porque assim sempre que vier o cataclismo elas podem ir às compras e redecorar a casa toda. E eu concordo. Pessoalmente, preferiria reconstruir a limpar. A casa em caquinhos tudo bem, agora cheia de lama é que é o pesadelo de uma gaja! Sonasol verde, a malta de joelhame a esfregar os cantos... nah, não é para esta menina!

Karvela (para quando um tornado em Portugal? Lá fora já existe para aí há dois anos e aqui nada!)

3 comentários:

Maria Vinagre disse...

Tinha que chegar o dia!!!

Karvela, hoje o teu sentido de humor foi demais para mim!!!
No tijolo de 6 e na telha de marselha ainda me ri... mas com os 2 tornados:
Pendurava-los nas orelhas e fazias um par de brincos, era???
Ou enquanto não tinhas casa ias para a SOGRA???

Angela LOPES disse...

Justiça divina? Gosto desse conceito...

Tempus_Fugit disse...

A teoria das Patas Bravas é boa! Ou se calhar não lhes contaram a história dos 3 porquinhos quando eles eram pequenos, então ficaram pelas casas de palha... Mas dá assim uma certa dinâmica á arquitectura a coisa! Se me dessem um tornado com um joystick dava um saltinho ali a alvalade...