quarta-feira, dezembro 05, 2007

Wallace and Gómito

A miúda de 15 anos que vive dentro do Cláudio Ramos saiu outra vez e escreveu três posts que parecem ter sido rascunhados no caderno da Hello Kitty na aula de Português para alunos do ensino especial.

Disse-me a lua que já não me queres. Disse-me a lua que já não olhas para ela e que quando olha para ti lhe viras a cara! Disse-me a lua, que se não olhas para ela, fica chateada!
-- Fofo, um bocadinho esotérico, muito piroso. Cláudio Ramos no seu melhor. Contudo, nada diz mais Cláudio Ramos do que erros ortográficos, abaixo:

Quem é que me dá um abarço nos maus momentos. Quem é que fica feliz, apenas por me ver feliz?
-- É pá, venha de lá esses ossos, Maria! Cá um abarço apretado!

Fechamos os nossos olhos e pensamos, que por vezes rebenta o amor de tanto o usarmos... As coisas boas duram pouco. É por isso que uma flor nunca dura duas Primaveras?
-- "Rebenta o amor de tanto o usarmos"? Isso soa-me a doença de marinheiro... uma blenorragia ou assim. Uma flor nunca dura duas Primaveras? Primeiro esta premissa parece-me falsa, acho que há flores perenes, não há? E depois isso quer dizer que ele só fornica até se lhe rebentar o amor?

Cláudio, vai lá escrever no caderninho da Hello Kitty coisas giras como "Sra. Cláudio Crispim" ou "Cláudio LOVE Pedro" e outras variações, com corações e estrelinhas e depois scaneriza... scana... scaneia... faz scan e põe no blog. PLEASE!

Karvela

4 comentários:

Mack disse...

gosto muito do primeiro apontamento, o da lua.

O élan dramático, como se fosse um comentário de qualquer alcoviteira de bairro tradicional, dá cabo de mim.

Brilhante prosa. Brilhante.

Saravá e aquele abarço apertado até rebentar o amor.

Minerva McGonagall disse...

Cá para mim, o que lhe rebentou foi o cu.

BlueAngel disse...

Mas como é q tu ainda tens paciência para lê-lo e citá-lo? Pelo menos arrancas-me umas boas gargalhadas e isso é muito positivo!!! :-) Fui uma vez ao blog disso e nunca mais lá consegui voltar, mas adoro os teus comentários beijocas larocas

pensamentosametro disse...

Tou a ver que também gostas muito do "rapariguito". Aquilo não são erros ortográficos é disléxia, é, é.

Tita