segunda-feira, junho 18, 2007

Porque é divertido ser eu...

... porque esta tarde fiquei em casa, adormeci no sofá e acordei ao som de um dos homens da obra que está a acontecer no andar de cima a cantar o "Amor de Água Fresca" da Dina. Tenho a certeza que isto não acontece a muita gente...

Karvela

7 comentários:

Casih disse...

era nessa altura que lhe devas ter atirado com uma balde de água e teres cantado "vai um balde de água" da Chiquita! Lol... as coisas insolitas que "se te ocorrem na vida".beijo.

Minerva McGonagall disse...

Lindo!

stubby_boardman disse...

lol... só eu é que não tenho aventuras dessas... mas é capaz de ter sido menos irritante do que o "trrimm, trrimm" da netcabo... se bem que o da netcabo era capaz de ser mais agradável á vista...

BlueAngel disse...

"Ralmente" a mim tal nunca me aconteceu! Mas os meus vizinhos do lado andaram dois fins-de-semana a martelar na parede. Eu acho que andavam a pregar a "Guernica" lol

rititas disse...

lol.. engraçado que hoje sugeri que a nova novela que estamos a criar no curso se chamasse "fruto proibido", cuja música do genérico seria precisamente a música da Dina.
engraçado..

PatoMickey disse...

A parte mais fixe e vibrante desse alto sonoro é "riz'midázavoltácabeçóuó!"

Pato... na rua: (olha a Dina a-guiar! :P)

Alf disse...

Hum... Era gay...