quinta-feira, maio 24, 2007

Eppur si muove!



Rosa Abreu vem mesmo aí. Com a conivência do meu rico Pato Mickey, que digitalizou o postalinho que Rosa Abreu e seus lacaios distribuem pelo Samouco, aqui vos deixo o dia e a hora da, e notem a finesse da coisa, inauguração, negrito incluído. Eu e Pato Mickey lá estaremos para ver a porradaria entre católicos e evangélicos.

Pontos a reter:
A "antiga oficina" é realmente em frente à minha casa. Como diria o Pato Mickey, "uma nova igreja, perto de si... literalmente!".
Eles existem à mais de 90 anos e, em Algés, à 30. Pois... judeus, católicos, gente com tradição milenar. E que saberão a diferença entre à e há. Entre todos, apesar de tudo, prefiro os da boa gramática.
Também já sei que vai haver festa todos os domingos às 17h30 e quintas-feiras às 20h30.
Conhecendo os católicos fervorosos (a.k.a. beatas) da terrinha, estes meninos vão durar tanto tempo por lá como um cristo crucificado pelas palmas das mãos se aguenta numa cruz.

Karvela (é pelo pulso que se crucifica. Eu sei porque é uma daquelas coisas que eu aprecio)

1 comentário:

PatoMickey disse...

Tenho desde já algumas ideias para uma recepção em grande à nova comunidade:

Pegar num carro dos anúncios do Intermarché e começar a fazer trocadilhos de qualidade duvidosa com o nome "Abreu";

Ir para uma qualquer varanda lá perto com aquelas bisnagas tipo kalashnikov cheias de lixívia Neoblanc e atingir as beatas todas, com a justificação que todas elas merecem ficar como a velha do anúncio que nunca rasga pano;

Antecipar as largadas das festas do Samouco em 5 semanas, fazendo uma largada extra entre os números 2 e 24 da rua Manuel Gonçalves Caixeiro, para uma plateia restrita e criteriosamente escolhida. O início? Às 18 horas de dia 3 parece-me excelente!

Alguém que com ideias nos tenhá bondad'nu'zauxiliárê? :P

Pato (ainda com a foto da igreja matriz de Alcochete na carola)