quarta-feira, fevereiro 21, 2007

República Eslovaca, estou a precisar de uma maca!

Hoje tive de telefonar para a Embaixada da Eslováquia. Põem-me em espera e qual é a música? Lady, the Lionel Richie... em pan pipes! É o excelente exemplo de agarrar em algo mau e transformá-lo em algo apocalíptico.

Aliás, é a canção que passa no Inferno, em loop, alternando com The Power of Love, versão brasileira, enquanto me obrigam a comer pescada e a ir à missa.

Karvela

5 comentários:

bicho disse...

Agrada-me particularmente a parte do nos obrigarem a ir à missa... no Inferno. Pescada cosida até marcha!

bicho disse...

A música é um verdadeiro castigo... só tolerável com a presença das esloVACAS da embaixada.

That Old Anonymous disse...

You have to:

- Ir à missa para poderes casar na igreja;

- Ir à missa para poderes baptizar os teus fabriciozinhos e as karvelinhas (kaf, kaf, kaf);

- Ir à missa para purificares a tua alma pagona (rsss) e carnavalesca...

E, mesmo assim, do Inferno não te safas, e serás condenada a ouvir o Lionel Ritchie para toda a eternidade. Bem feito!

(Válido para o caso da máfia do leste não te apanhar primeiro)

rititas disse...

the power of love em brasileiro.. é muito mau! (em inglês também...)
como é que te lembras dessas músicas assim?!
*

Minerva McGonagall disse...

Epá, qualquer música tocada em pan pipes fica um nojo... é uma azeitice pegada!

Um abraço para ti e para o Arnaldo, vocês são os maiores carago!