sexta-feira, maio 26, 2006

Mas é que hoje estou do mais suburbano...

Um dia destes entrei no autocarro e sentei-me ao lado de um senhor que manteve as pernas abertas num ângulo de 45 graus durante todo o percurso. Estive mesmo para lhe perguntar se os tinha os testículos assim tão grandes... mas preferi não arriscar... ele podia mostrar-mos...

Karvela

9 comentários:

Arnaldoooooo disse...

também podia ser uma peúga, que fazia...volume

Anaoj disse...

IS THERE NO GOD?!?!?!?!?!?

P.S.: E este é o meu segundo comentário mais sem nexo.

gaja-gira disse...

Karvela, o problema desses gajos é o oposto: têm-nos tão pequenitos que têm receio de, ao fechar as pernas, nunca mais voltarem a pôr-lhe a vista em cima. Esses pequenitos geralmente escondem-se nos poros e fica muito difícil convencê-los a voltar ao lugar... entendes?

Minerva McGonagall disse...

Acho que os transportes estão a transtornar-te, o que é compreensível, uma vez que vemos acontecer as coisas mais estranhas quando andamos neles... o meu truque agora é ler. Mas mesmo assim, às vezes ainda há quem se meta comigo. Não há paciência. Nesses momentos apetece-me ser bronca e inimiga do planeta, ou seja, dá-me logo a vontade de comprar um carro! O que vale é que depois passa-me!

virgolina disse...

Se calhar estavam cheios!! Ainda bem que não dissete nada!

O Mafarrico disse...

O pior seria se ele começasse a coçá-los... alguma coisa da anatomia dessas partes poderia mudar de estado e depois é que seria mesmo desagradável...

Dauphin disse...

...e se calhar era um espectáculo bonito de se ver... digo eu.

Sirius disse...

É preciso saber qual a temperatura ambiente no autocarro, pois isso pode servir de atenuante.

Sirius disse...

É preciso saber qual a temperatura ambiente no autocarro, pois isso pode servir de atenuante.