sexta-feira, maio 05, 2006

Mais uma volta no Carrossel Royaaaaaaaaaal…

Hoje foi dia de cromo no 32. O senhor portou-se bem durante toda a viagem… até a duas paragens de sair. Primeiro espirra para a mão. Olha para a mão. Depois espirra outra vez para a mesma mão. Olha para a mão, procurando insistentemente por vestígios de muco, abrindo e fechando os dedos. Se encontrou ou não, não sei… mas sei que em vez de limpar a mão, segurou-se ao banco da frente. Só ao terceiro espirro é que teve a decência de limpar a mão às calças! E eu imaginei-me a chegar na paragem seguinte, a sentar-me e a roçar os meus longos cabelos naquele banco mucoso. Depois, às vezes, dou por mim a pensar “Mas como é que eu fiquei com as pontas do cabelo a colar…?”

Dentro do mesmo autocarro seguia a inevitável freira do dia. Ela teve que correr para apanhar o autocarro. E isso fez-me pensar em várias coisas:
As freiras usam desodorizante?
As freiras fazem exercício físico? Se uma freira quiser fazer um bocadinho de cardio, será que é pecado?
As freiras preocupam-se com a celulite?
E os padres? Haverá algum ginásio com um padre como sócio?
E porque ficaram todos tão mal fotografados no anúncio novo do BPI?

Karvela

7 comentários:

Anónimo disse...

só tu pa pansares nestas coisas...
vou investigar pa ti. (mas tenho a certeza que essas pessoas não usam desodorizante..."cheira-me" que é pecado...quanto ao ginásio...deve ser caseiro)um beijo grande.S

Arnaldoooooo disse...

Debaixo da Sé de Lisboa existe um centro de ginástica com court de ténis e tudo. O nome...Maria Madalena Gym

virgolina disse...

Por vezes penso que esse 32 poderá vir do Entroncamento!! Ela há cada estranheza!!!! E que nojo esse do espirro!! Quando vejo alguém espirrar e vejo que sai um jacto desprotegido ou não vem-me logo À ideia um cheiro a bactérias a impestar a atmosfera!!! Blhaaaqqq!

Dauphin disse...

Eu contunuo a achar que a tua presença nos transportes públicos incita os traseuntes mais psicóticos a adquirirem atitudes de comportamento agressivo em grupo.
Não insistas, não me tiras esta da ideia! Estou somente à espera que deixes cair o véu e que contes o que fazes a cada passageiro desse autocarro lendário.
Nota-se à légua que neste caso usaste rapé!

Anónimo disse...

Isa....deixo as outras letras à tua imeginação!
Contas tantas histórias e aventuras do Bus...mas ñ contas as aventuras marítimas...aquelas k envolvem seres do outro mundo, ñ me refiro a Patos, Isas, Ezasss e etc..., mas outros seres!!! E nem precisam de espirrar!!! Força, tenta, 1 história do outro mundo, o barco das 8.30! Aguardo ...

Gaja gira_gira disse...

E eu a achar que é muito, o que pago de portagem na A5... 10 contos de mensalidade livra-me do muco e, pela janela do carro, vejo a macacada extremamente agarrada a resistir aos puxões entre uma 1ª e uma 2ª, no pára arranca de uma fila que se impõe no sair das portagens! Estes 10 contitos impedem-me também de averiguar se o sabão azul ainda a essência mais proxima do criador!
Um dia fazemos um filme com esse teu bus...

Susana disse...

há padres no ginásio.. e que usam aquelas fitas dos punhos da Nike. e se forem ali de uma certa freguesia de Sintra são giros nas horas, sexys e inacreditavelmente bem torneados. nunca passarei pelo purgatório.