domingo, fevereiro 19, 2006

Trasladem a senhora, mas com meiguice...

Domingo, 19 de Fevereiro. A tarde toda a trasladar e a rezar, a rezar e a trasladar... que a senhora vá lá para Fátima, é-me igual. Mas, por favor, não nos enfiem o Roberto Leal pelos olhos adentro! Estive a ver TV durante uns 10 minutos e apanhei isto: Roberto Leal chorava, e dizia a uma Fátima Lopes igualmente comovida/ a fazer força para não gargalhar (apanhei já a meio) "Meu pai, uma vez estava comigo na sala e foi embora. Pensei "onde foi?". Voltou daí a uns minutos e disse: "sua cama está quente, pode ir deitar!". Aqui, hoje, senti um calor assim, de amor, que nenhuma lareira pode comparar..."
Amigo, companheiro, Leal. Eu sei que tu és o homem vestido de branco e que és beato e essas coisas... mas, por favor... cala-te. Tenho a sensação que, se ligasse a TV cinquenta vezes, apanhava cinquenta pérolas.
Karvela (contente, porque assim não se distraíu com um filme e deu para trabalhar! Mais um milagre de Fátima Lopes)

2 comentários:

Arnaldoooooo disse...

Meiguice? Iam a 120km na A1....ainda bem que a senhora era santa...senão tinhamos puzzle de freira....

Arnaldoooooo disse...

Meiguice? Iam a 120km na A1....ainda bem que a senhora era santa...senão tinhamos puzzle de freira....